Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O amargo do morango

Blog sobre tudo e sobre nada. Sobre mim. Humor. Drama. Vida...

O amargo do morango

Blog sobre tudo e sobre nada. Sobre mim. Humor. Drama. Vida...

Talking to the Moon

 

Já é uma da manha e a saga continua. Ou melhor a rotina (esta palavra mata-me!) Mais creme, mais uma tigela de leite com cereais, mais música, mas moda …mais passado.

Por vezes, já não me reconheço… Parece que não estou a viver mas sim a tentar sobreviver. Gostava de poder sair quando quero e simplesmente mergulhar na batida de uma música e beber, beber até chegar ao ponto de não conseguir mentir mais para mim própria. Gostava de saber o que é que eu realmente quero, o que realmente sinto!

A verdade é que olho para trás e vejo que estou pior, não em tudo como é obvio pois até considero que cresci imenso. Posso mesmo dizer que quando fiz 18 anos deu-me um clique. Sei que tenho assuntos pendentes, desculpas por aceitar e por pedir e ainda coisas a esclarecer. Isto para mim é crescer, pois admito que errei.

Porém, algures no passado, perdi-me. Fiquei sem alegria. Não sei o que me aconteceu! Foi quase como se algo tivesse passado por mim e retirado tudo o que tinha de melhor.

Eu era uma pessoa confiante (cheia de si) mesmo com todas as minhas inseguranças. Sentia-me desejada. Claro que também era odiada sem motivo mas isso nunca tentei perceber.

Hoje, sinto a minha voz calada! Tento focar-me neste sonho de criança, no entanto nem isso estou a conseguir (acho eu…) Perdi-me algures e não me consigo encontrar.

Acabo por ser eu e o meu pijama. Tudo me parece uma farsa, parece que estou dentro de um filme e não tenho um guião!

Bem… mas isto é só um desabafo da madrugada. Talvez esteja algo mais escrito nas entrelinhas. Só espero que não seja mais um texto para ti (por favor já não há paciência) Talvez, talvez seja só mais um texto de um bicho estranho, sem nada para fazer mas tão ocupado…

The girl…

2 comentários

  • Imagem de perfil

    The girl ... 07.12.2015

    Pode parecer um bocado frase feita mas no fundo tenho de encontrar um caminho e perceber finalmente o que quero e mais importante se vale a pena. Não quero continuar a viver a pensar no se...
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.